Aviso X
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit

0

Meu carrinho

R$ 0,00

Meu Carrinho

0 itens
X

Que pena!

Ainda não há itens em seu carrinho.

Passe o mouse para ver mais detalhes Ampliar imagem

Compartilhe:

VITAMINA D3 LÍQUIDA

Produto: Em estoque
Ref.: 317
- Melhor absorção do que na forma de pó, cápsulas ou comprimidos
- Previne contra gripes e resfriados
- Melhora o sistema imunológico
- Ajuda na absorção de cálcio
- Alivia os sintomas da TPM
- Ajuda a controlar o peso
 
R$ 37,00
em até 6x de R$ 6,17 s/ juros no cartão

Ganhe  10% de Desconto, em compras acima de 3 unidades

Quantidade

    • Descrição

       


      A vitamina D3, ou colecalciferol, é uma das duas principais variantes da vitamina D, uma vitamina lipossolúvel. Nos suplementos nutricionais, existe sob as formas D2 (ergocalciferol) e D3. No fígado, as duas são convertidas em 25-hidroxi vitamina D, ou 25(OH)D.


       


      Há muito tempo que se conhece a implicação da vitamina D na saúde dos ossos. Um dos seus principais papéis biológicos consiste em manter níveis sanguíneos adequados de cálcio e de fósforo. Ao propiciar a absorção do cálcio, ajuda a formar e a manter ossos robustos.


       


      Nos últimos dez anos as investigações mostraram que a vitamina D poderia ter inúmeros outros efeitos benéficos, quando administrada em doses adequadas.


       


      A vitamina D3 exerce um efeito imuno-modulador. Um artigo científico avança a hipótese de as infecções sazonais, como a gripe, se poderem dever a uma diminuição das concentrações de vitamina D durante o período de Inverno e não ao aumento da atividade viral.


       


      Níveis baixos de 25(OH)D estão associados a uma prevalência mais elevada de hipertensão, de diabetes, de obesidade e de níveis séricos elevados de triglicéridos.


       


      Em pacientes que sofrem de uma insuficiência cardíaca congestiva, a toma diária de 2000 UI de vitamina D associada a 500mg de cálcio diminuiu o nível de citocinas pró-inflamatórias em parte responsáveis pelo seu estado. Em idosos, a toma de um suplemento de vitamina D diminuiu a predisposição para a diabetes, retardando a perda de sensibilidade à insulina. Em idosos, a toma de um suplemento de vitamina D3 reduziu significativamente o risco de queda.


       


      A vitamina D3 é geralmente bem tolerada nos adultos, em doses diárias até 2000 UI. Várias investigações indicam que pode ser usada sem risco até 10000 UI diárias, embora as autoridades de saúde tenham fixado a dose de segurança em 1000 UI/dia. Os cientistas estão convencidos que as necessidades de um adulto saudável são de 1000 UI por dia.


       


      Pesquisas recentes mostram que a vitamina D3 oferece muito mais do que desenvolvimento de ossos firmes e músculos condicionados.


       


      Imunidade: um estudo da Escola de Medicina da Universidade de Yale, nos Estados Unidos, revelou que pessoas com níveis adequados de vitamina D 3 são mais resistentes à contaminação por vírus e bactérias do que quem tem deficiência do nutriente. E mais: se recuperam mais depressa quando ficam doentes. A vitamina D 3 estimula os glóbulos brancos do sangue a fabricar um tipo de proteína que combate infecções. Algumas pesquisas ligam a ausência da vitamina ao surgimento de doenças autoimunes (entre elas diabetes tipo 1, psoríase e lúpus), que são um ataque do corpo às próprias células por reconhecê-las como um agressor.


       


      Controle do peso: A vitamina D 3 está envolvida na produção de insulina. A carência dessa vitamina reduz os receptores para insulina nas células, levando à resistência ao hormônio. Com isso, o pâncreas tem que produzir mais insulina, o que prejudica o processamento do açúcar, aumenta o acúmulo de gordura e de substâncias inflamatórias e estimula o apetite.


       


      TPM: A vitamina D 3 também está envolvida na regulação dos níveis de cálcio no organismo, mineral que alivia as contrações musculares que provocam cólicas. Pesquisadores da Universidade de Massachusetts, nos Estados Unidos, acompanharam durante dez anos a dieta de um grupo de mulheres que sofriam de tensão pré-menstrual e outro de voluntárias sem queixas e concluíram: aquelas que consumiam alimentos fonte de vitamina D 3, relataram menos sintomas de TPM.


       


      Coração: como atua na nutrição muscular, a vitamina D 3 tem papel-chave no condicionamento do músculo cardíaco e no bombeamento do sangue. Ela também participa da produção de renina, um dos hormônios mais importantes para o controle da pressão arterial. Por fim, níveis baixos dessa vitamina no organismo levam ao aumento da quantidade de insulina no sangue, o que faz crescer o perigo de diabetes, obesidade e hipertensão, males que ameaçam a saúde cardiovascular.


       


       


      Na mídia


       




       


        


       


      Precauções


       


      Não exceda a dose diária recomendada. Este produto é um suplemento nutricional que não devem substituir uma dieta variada e equilibrada.


      Manter fora do alcance das crianças.


      Armazenar longe de luz, calor e umidade.


      Como com qualquer suplemento nutricional, consulte um profissional de saúde antes de usar se estiver grávida, amamentando ou se você tiver um problema de saúde.


       


       

    • Composição

       

      Cada gota contém 200UI de Vitamina D3 em óleo de oliva.

      Frasco com 15ml

    • Modo de Usar

       

      Tomar de 5 a 10 gotas ao dia, após almoço ou jantar ou conforme orientação do profissional habilitado.

       

       

      Atenção 

       

      Para além das 2000 UI (10 gotas) por dia, é preferível fazer uma análise de 25-hidroxi vitamina D. Em caso de doença renal, não tomar vitamina D3 sem se aconselhar com o seu médico. Não ultrapassar as 10.000 UI por dia, em todas as suas formas combinadas, sem recomendação do seu médico.

       

    • Referências

       

      P.R. Vade-Mécum 2004/2005 Products for the food and Pharmaceutical Industry -Technical Information- Edition 2003 - BASF

      Batistuzzo, José A. O.;Itaya,M.;Eto Yukiko Formulário Médico Farmacêutico São Paulo -Tecnopress,2000. Revista Boa Forma (março de 2011, pág 106).

       

       

       

    Média Geral

    Escreva um comentário sobre o nosso produto:

    Avaliar:
    Ainda não há comentários para este produto.
    0
    0
    0
    0
    0
    Não há avaliações. Dê sua nota

    Formas de Pagamento

    Boleto Bancário

    no Boleto/Transferência

    Cartão de Crédito
    Nº de parcelas Valor da parcela Juros Valor do Produto