Bem Vindo!

OSTEOSIL® - Cápsulas regeneradoras da cartilagem osteoarticular (60 cápsulas)

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Em estoque

R$194,90

Descrição Rápida


Com selo de autenticidade

• Tratamento coadjuvante na: osteopenia, osteoporose e osteoartrite;
• Prevenção do envelhecimento ósseo e articular;
• Atividade anti-inflamatória
• Proteção e regeneração da cartilagem

** Foto meramente ilustrativa
OSTEOSIL® - Cápsulas regeneradoras da cartilagem osteoarticular (60 cápsulas)

Detalhes

 

     Com selo de autenticidade

 

 

Composição

 

Osteosil® 200mg

Frasco com 60 cápsulas

 

Indicações

 

• Tratamento coadjuvante na: osteopenia, osteoporose e osteoartrite;

• Prevenção do envelhecimento ósseo e articular;

• Prevenção das desordens osteoarticulares;

• Hidratação articular

• Atividade anti-inflamatória

• Atividade visco-suplementação-like: aumento das concentrações de ácido hialurônico e sulfato de condroitina

• Proteção e regeneração da cartilagem

• Inibição dos osteoclastos, células que degradam a matriz óssea e osteoblastos, células que estimulam a formação óssea, ações classicamente desempenhadas por bifosfonatos como risendronato, alendronato, entre outros.

 

Benefícios de Osteosil® e seus componentes

 

Osteosil®

 

• Atividade Protetora e Regeneradora de Cartilagem;

• Atividade Protetora e Estimulante da Formação Óssea;

• Ideal como tratamento coadjuvante nas doenças osteoarticulares como osteopenia, osteoporose e osteoartrite (ou artrose).

 

Fosfato

 

• Inibição do osteoclastos;

• Estimulação dos osteoblastos;

• Atividade anti-inflamatória e anti-proteases da MEC.

 

Silício Orgânico Biodisponível

 

• Importante elemento de modulação de cálcio e magnésio, nutrientes fundamentais na formação e integridade óssea;

• Importante na formação e integridade de componentes da MEC ;

• Vital para produção de colágeno, fibra importante na arquitetura e função óssea e articular;

• Vital para a função de glicosaminoglicanos e proteoglicanos como ácido hialurônico e sulfato de condroitina, componentes fundamentais para a hidratação articular e, consequente, funcionalidade do tecido.

 

Mecanismo de ação

 

Por meio de pesquisas, a Exsymol desenvolveu o Osteosil®, uma molécula baseada na associação inteligente de dois agentes essenciais na composição e manutenção da integridade osteoarticular: o fósforo e o silício.

A molécula de Osteosil® apresenta ação dupla, uma vez que contém dois dos principais nutrientes necessários à integridade e metabolismo ósseo: fosfato, com atividade similar aos bifosfonatos, sem promover os efeitos colaterais, e silício orgânico, que apresenta atividade importante sobre os osteoblastos e ainda aumenta a produção de colágeno tipo I, proteína fundamental para a formação e proteção do tecido ósseo. Esta associação permite um aumento da biodispinibilidade dos fosfatos por meio da vetorização com o Silício Orgânico. O silício atua também de forma direta na modulação de magnésio, cálcio, zinco e cobre, que estão envolvidos diretamente na melhor fixação e absorção do cálcio.

 

 

Estudos em Cultura de Células

 

Estudos conduzidos por Carlisle na década de 80 usando condrócitos e epífises da tíbia de embriões de galináceas reportaram que o silício aumenta a síntese da matriz óssea (polissacarídeos de matriz e colágeno) e que o silício aumenta, de forma dose-dependente, a atividade da prolil hidroxilase, uma enzima envolvida na síntese de colágeno. Estudos recentes com linhagens celulares de osteoblastos demonstraram que o silício é capaz de estimular a síntese de matriz óssea extracelular, assim como a atividade da fosfatase alcalina e a síntese de osteocalcina. Outros estudos que avaliaram os efeitos do ácido ortosilício demonstraram o aumento da síntese de colágeno tipo I e da diferenciação celular, além de aumento dos níveis de RNAm dessas proteínas, sugerindo potencial envolvimento do silício na transcrição gênica.

In J Nutr Health Aging. 2007 Mar-Apr;11(2):99-110.

 

Silício nos Osteoblastos

 

Segundo resultados de estudos, o silício participa da formação óssea e da calcificação da cartilagem. Carlisle em 1973 observou que o silício encontrava-se nas áreas de crescimento ativo do osso ou camada osteóide, e dentro dos osteoblastos. Outro dado interessante, comprovado pelo mesmo autor, é que quanto mais maduro o osso, menor a quantidade de silício existente no tecido.

 

Silício e a Síntese de Colágeno

 

Segundo estudo publicado no Biological Trace Element Research, em 2002, conduzido por Seaborn & Nielsen, a privação de silício promove o decréscimo da concentração de colágeno nos ossos de ratos com 9 semanas de vida. Foi demonstrado, que a privação deste elemento afeta:

 

• O colágeno em diferentes estágios da formação óssea;

• As enzimas envolvidas na síntese de colágeno;

• A deposição do colágeno.

 

De acordo com os resultados, a quantidade total de hidroxiprolina foi significativamente menor na tíbia dos animais que receberam uma dieta com quantidades reduzidas de silício.

Biol Trace Elem Res. 2002 Dec;89(3):251-61.

 

 

Resultados de outro estudo, publicado no Journal Bone Mineral Metabolism, em 2008, demonstraram que o silício solúvel oriundo das águas profundas marinhas aumentou a viabilidade celular, os marcadores enzimáticos dos osteoblastos e osteoclastos e a recaptação de CaCl2 pelo osso. Além disso, o silício demonstrou:

 

• Melhorar os índices bioquímicos do tecido ósseo como o peso do fêmur, o conteúdo mineral e de colágeno do osso e as propriedades mecânicas do tecido;

• A expressão de RNAm da proteína-2 morfogenética do osso (BMP-2), a interleucina-11 e o fator de transcrição associado ao Runt (Runx-2), que estimula o desenvolvimento do osteoblasto;

• Aumento da expressão de RNAm pró-colágeno tipo I.

J Bone Miner Metab. 2008;26(5):446-55. Epub 2008 Aug 30.

 

 

Outros Mecanismos

 

Apesar de os mecanismos não serem completamente claros até o momento, sabe-se, de acordo com as evidências publicadas, que o silício está envolvido com a formação óssea pela síntese e/ou estabilização do colágeno. O colágeno apresenta uma importante função estrutural contribuindo para a arquitetura e elasticidade dos ossos e tecidos conectivos. É a proteína mais abundante da matriz óssea conferindo flexibilidade e, juntamente com a elastina, é o maior componente dos tecidos conectivos, encontrados na pele, cartilagens, tendões e artérias.

Foi demonstrado que altos níveis de silício estão fortemente ligados aos tecidos conectivos e aos seus componentes, tais como as glicosaminoglicanas, aos polissacarídeos e aos mucopolissacarídeos. Além da participação na síntese e/ou estabilização do colágeno, o silício está envolvido na utilização (por exemplo, na captação gastrintestinal e metabolismo) de elementos essenciais requeridos para a síntese óssea e de colágeno, tais como o cobre, o cálcio e o magnésio. Outro mecanismo proposto está na atividade varredora e detoxificante do alumínio tóxico. Participa ainda da mineralização/calcificação da matriz óssea.

In J Nutr Health Aging. 2007 Mar-Apr;11(2):99-110.

 

 

Posologia

 

Tomar 1 cápsula ao dia.

 

Contra-indicação

 

Não foram encontrados relatos significativos

 

___________________________________________________________________________________________

Referências Bibliográficas

 

Eisinger J, Clairet D. Effects of silicon, fluoride, etidronate and magnesium on bone mineral density: a retrospective study. Magnes Res. 1993 Sep;6(3):247-9.

Altman RD. Early management of osteoarthritis. Am J Manag Care. 2010 Mar;16 Suppl Management:S41-7.

SEABORN, CAROL D. Ph.D.; NIELSEN, FORREST H. Ph.D. Silicon: A Nutritional Beneficence for Bones, Brains and Blood Vessels? Nutrition Today July/August 1993.

Seaborn CD, Nielsen FH. Silicon deprivation decreases collagen formation in wounds and bone, and ornithine transaminase enzyme activity in liver. Biol Trace Elem Res. 2002 Dec;89(3):251-61.

Jugdaohsingh R, Calomme MR, Robinson K, Nielsen F, Anderson SH, D’Haese P, Geusens P, Loveridge N, Thompson RP, Powell JJ. Increased longitudinal growth in rats on a silicon-depleted diet. Bone. 2008 Sep;43(3):596-606. Epub 2008 May 2.

Spector TD, Calomme MR, Anderson SH, Clement G, Bevan L, Deme - ester N, Swaminathan R, Jugdaohsingh R, Berghe DA, Powell JJ. Choline-stabilized orthosilicic acid supplementation as an adjunct to calcium/vitamin D3 stimulates markers of bone formation in osteopenic females: a randomized, placebo-controlled trial. BMC Musculoskelet Disord. 2008 Jun 11;9:85.

 

 

Consulte o farmacêutico 

"Não se trata de propaganda e sim descrição do produto, consulte sempre um especialista"

Produto manipulado 

 

 


Você pode também estar interessado nos seguintes produtos

GLUCOSAMINA 1500mg + CONDROITINA 1200mg + MSM + Mn (30 doses / 120 cápsulas)

GLUCOSAMINA 1500mg + CONDROITINA 1200mg + MSM + Mn (30 doses / 120 cápsulas)

R$81,00
BOSWELLIA SERRATA 300mg (90 cápsulas)

BOSWELLIA SERRATA 300mg (90 cápsulas)

R$36,90
   

Tags do Produto

Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.

Razão Social: Acácia de Americana Farmácia e Manipulação Ltda-ME
Nome Fantasia: Acácia Farmácia de Manipulação
CNPJ: 04.641.236/0001-68
I.E.: 165.309.985.110
Horário de funcionamento: Seg a Sex: 8:00h as 18:00h Sab: 8:00h as 12:00h
Tel.: (19) 3406-1227

Farmacêutica responsável: Emanuela dos Santos Fajardo Manzi (CRF.: 21749)
Farmacêutica co-responsável: Roberta de Almeida Travassos (CRF.: 38484)

Autorização Especial AE.: 1.36069.9
Autorização de Funcionamento AFE.: 0.09597.1
Licença Municipal.: 350160801-477-000067-1-8
Certidão de Regularidade CRF.: 37141

Portal da ANVISA: http://portal.anvisa.gov.br
Consulta de CRF: http://www.crfsp.org.br

Os medicamentos sob prescrição só serão dispensados mediante apresentação da receita ou envio por fax ou e-mail.
É proibido comercializar medicamentos controlados por meio remoto.
Medicamentos podem causar efeitos indesejados. Evite a automedicação: informe-se com o farmacêutico.